Como escolher a escova de dentes de seu filho

A rotina da escovação é super importante pra que os dentes fiquem sempre saudáveis. Pra isso, saber como escolher a escova de dentes certa é fundamental.

Mas com tantas opções, como é que a gente faz pra escolher a melhor escova? Falamos sobre várias características que devem ser observadas no video. Mas na nossa pesquisa nos deparamos com outras informações (e reflexões) que também são importantes:

Como escolher a escova de dentes?

Preço

Encontrei no mercado escovas de R$ 0,90, até R$ 25,50. Muita diferença! Algumas escovas tem características mais “especializadas” (mais capricho no acabamento, um cabo emborrachado ou diferença no tamanho ou acabamento das cerdas). Algumas das mais caras são aquelas com personagens conhecidos, já que custa pras fabricantes colocarem um personagem estampado. Mas a mais cara que encontrei não tinha personagens: ela é importada da Suíça e tem cerdas beeeem fininhas.

A mais barata que eu achei não tinha nem site com informações básicas, e a embalagem não tinha muita informação, então fiquei meio desconfiada. Mas achei escovas bem legais que passei a adotar ali em casa com um preço legalzinho, de cerca de R$ 3,00 e que a dentista das meninas aprovou. Gostei!

Essa questão dos personagens é bem relativa: eles podem ser um apelo ótimo, principalmente se o seu fllho tiver alguma resistência a escovar os dentes. Mas também existem outros recursos que podem ajudar. Existem ainda escovas com formatos interessantes que também podem ajudar, e que podem custar menos que uma escova com personagem conhecido. Se isso não é uma questão na sua casa, talvez seja uma boa ideia considerar economizar.

Indicação da faixa etária

O que me deixou meio impressionada nessa busca foi que nem todas as escovas trazem a indicação da faixa etária na embalagem. Muito comum encontrar a divisão “2-4 anos”e “5-7 anos” ou “a partir de 5 anos”. O engraçado é que a maioria das escovas que têm essa indicação são aquelas com personagens (não gostei disso porque me senti meio refém dessa falta de informação nas outras. Fiquei pensando se a informação é mesmo necessária ou se as marcas estavam conduzindo a minha escolha).

Algumas marcas que fazem essa divisão mudam o tamanho da cabeça ou a maciez das cerdas, o tamanho ou o formato do cabo. Mas nem sempre. Boa parte das escovas simplesmente têm uma indicação “Kids”ou “Junior”, sem especificar a idade.

O que ficou claro é que não existe padrão, o que dificulta a nossa vida. Tudo fica mais difícil de comparar, assim. Por isso, vale observar as características da escova ideal para seu filho, como explicamos no video.

Especificações técnicas

Eu quis saber o que a legislação brasileira regula. Descobri que a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) regula para escovas infantis (não especificam a idade) só a largura máxima da cabeça e o comprimento do cabo. A rigidez das cerdas pode ser MACIA, MÉDIA ou DURA, mas isso não se relaciona com a idade indicada. Também regula que precisa de uma força de 1,5 kg para as cerdas se soltarem.

O INMETRO fez um teste com 12 escovas infantis em 2013, colocando mais provas além dessas (tipo: adequação da embalagem ao Código de Defesa do Consumidor, se as cerdas tinham algum acabamento). A boa notícia é que todas as escovas testadas passaram.

Força das Cerdas

Ressalto esse ponto por questões de segurança. As cerdas não devem se soltar da cabeça porque seu filho pode se engasgar com elas. É muito comum que a criança fique mastigando ou chupando a escova. Isso aumenta o risco se a escova não for de boa qualidade.

Então, se você comprou uma escova e a cerda se soltou, não compre de novo e reclame com o fabricante.

Conta pra gente se essas dicas ajudaram você a fazer uma escolha mais adequada para cuidar melhor dos dentinhos do seu filho!

 

Post relacionado: Dois minutos escovando os dentinhos

(30 Posts)

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *