Quem precisa do zoológico?

Ir ao jardim zoológico pode ser bastante divertido, pois as crianças normalmente adoram. Mas você já pensou no significado deste tipo de diversão?

Na viagem que fiz a Berlim resolvi conferir o tão falado Jardim Zoológico. A atração é tão relevante para a cidade que uma grande estação de metrô leva o nome do Zoo. Como esse tipo de passeio agrada a tantas crianças, pensei que seria legal conhecer e mostrar para quem não conhece ainda.

Acontece que durante esse passeio comecei a refletir. Fiquei pensando o quanto era razoável compactuar com o que acontece lá – e em tantos outros zoológicos pelo mundo.

A ficha que foi caindo no zoológico de Berlim

Será que é justo privar um outro ser de sua liberdade pra que nós, humanos, possamos vê-los de perto? Quais são as condições de vida que um animal (alguns assustadoramente parecidos conosco) têm em um ambiente tão restrito? Mesmo que muitos tenham nascido em cativeiro e não conheçam outra forma de vida, será que manter estruturas pra isso faz sentido? Será que não poderíamos descobrir outras formas de conhecer a vida selvagem sem que isso implique em manter animais presos?

Depois desse passeio muitas notícias relacionadas a zoológicos por todo o mundo começaram a aparecer, junto com alguns dilemas. Vários animais foram sacrificados pelo risco a que os humanos acabaram se expondo nesses ambientes. O valor da vida humana é inquestionável, mas talvez situações de sacrifícios de animais, como esta e esta, talvez não tivessem acontecido se não houvesse esse tipo de instalação no mundo.

A gente concluiu que não deveria existir nenhum jardim zoológico no mundo. E vamos mostrar para nossos filhos que a liberdade dos animais tem muito valor, e que não existe nenhum benefício em deixá-los presos para nosso entretenimento. Apesar de ter frequentado muitos zoológicos, na infância e na maternidade, mudamos de ideia.

Esperamos que mais gente reflita muito sobre isso, e que essa “instituição” acabe o mais rápido possível. Esperamos que as crianças possam aprender que todas as espécies merecem respeito.

(30 Posts)

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *